Governo do Estado amplia aporte e Desenbahia segue na análise de concessão do crédito emergencial

Foi publicado, nesta quarta-feira (2), no Diário Oficial do Estado, decreto do governador Rui Costa que amplia em R$ 40 milhões o aporte de recursos no Fundese para socorrer, por meio de financiamentos em condições especiais, comerciantes e prestadores de serviços atingidos pelas fortes chuvas que ocorreram nas regiões sul e extremo sul do estado.

Desde o lançamento da linha de crédito emergencial, em 14 de dezembro de 2021, foram firmados convênios de cooperação técnica com 57 municípios, para atendimento aos empresários.

Devido à forte demanda de crédito, uma força-tarefa na Desenbahia, em Salvador, foi constituída para triagem das propostas, verificação de cadastros, confecção de contratos e demais procedimentos visando agilizar a liberação do crédito. Em cada município afetado, o corpo de bombeiros vem contribuindo com a Desenbahia na validação das ocorrências relatadas pelos empresários.

Como resultado já alcançado, até 17 de fevereiro, haviam sido aprovadas propostas de financiamento no montante de aproximadamente R$ 17 milhões. No total, mais de três mil empreendedores manifestaram interesse pelo crédito disponibilizado pelo Governo do Estado, através da Agência de Fomento.

Todas as solicitações de financiamento estão sendo analisadas e os empresários estão recebendo retornos sobre suas demandas à medida que o trabalho avança.

O Governo do Estado, por meio da Desenbahia, continuará não medindo esforços para viabilizar o crédito emergencial e a expectativa agora é acelerar as contratações com o novo aporte.

Fonte: Secom/Bahia

Foto: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.