Dia D contra a gripe e o sarampo movimenta as unidades de saúde   

As unidades de saúde estavam movimentadas neste sábado, 30, devido ao “Dia D” de vacinação contra a gripe Influenza e o sarampo. Foram 104 postos funcionando simultaneamente, na sede e zona rural, que estavam abastecidos para garantir a atualização da caderneta de vacinação.

Carla Rios foi até a Unidade Básica de Saúde do Jardim Cruzeiro levar o filho Miguel, de três anos, para ser vacinado contra a gripe e o sarampo. “Tenho o cuidado em manter a caderneta de vacinação dele sempre atualizada”, disse.

Quem também não perdeu tempo para se vacinar foi o aposentado Narciso Teixeira, 70 anos, que garantiu a sua vacina contra a gripe.

“De vez em quando fico gripado, mas sempre com sintomas leves graças a vacina. Antes de vir ao posto chamei algumas pessoas para se protegerem também, porque a vacina salva vidas”.

Vacinação contra gripe

Aqueles que não compareceram para atualizar a caderneta de vacinação poderão ser imunizados a partir desta segunda-feira, 02, nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e nas Unidades de Saúde da Família (USFs).

Podem ser vacinados contra a gripe: Idosos (+ de 60 anos); trabalhadores da saúde; crianças (6 meses a 5 anos); gestantes; puérperas (até 45 dias pós parto); povos indígenas; professores; pessoas com comorbidades; trabalhadores do transporte coletivo; profissionais das forças armadas, de segurança e salvamento; funcionários do sistema de privação de liberdade; população privada de liberdade, adolescentes e jovens em medidas socioeducativas.

Sarampo

Já a vacinação contra o sarampo está direcionada para crianças de 6 meses a 4 anos (até 11 meses e 29 dias), e profissionais de saúde.

Os dois grupos têm imunização indiscriminada, ou seja, mesmo que já tenham sido vacinados devem receber a dose novamente.

Fonte: Secom/Feira

Foto: Thiago Paixão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *